Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

na rua dos meus sentidos

na rua dos meus sentidos

02
Mar14

SIC, RTP e TVI programas de qualidade, quando os há é só a partir da meia noite

naruadosmeussentidos

Quando o melhor da tv num sábado à noite só dá a partir da meia noite, é o mesmo que dizer, estão se pouco borrifando para os seres pensantes e trabalhadores. Sim, a classe trabalhadora vê coisas para além dos Big Brother desta vida.

 

Sim, agora vão-me dizer que é fds e que no domingo não se trabalha, eu até contrapunha dizendo que o Passos não me deixa alternativa do que trabalhar 7 dias por semana inenturruptamente, porque eu aí sim sei que sou a minoria, mas mesmo a  maioria que têm fds para descansar, trabalham o resto da semana, e como tal não os estou a ver a aguentar da meia noite às 3 da manhã. Sim, porque nisso, SIC, RTP e TVI estão bem uma para as outras.

 

Ontem Filhos do Rock à meia noite, e de seguida o grande Malkovich com Mr. Ripley. Na Sic, Downtown Abbey a partir da 1, e na TVI (vá uma coisa de qualidade de tempos a tempos) com Sacana da Lei à mesma hora. Continuem, a sério, continuem.

 

 

01
Mar14

Forreta mas com fé

naruadosmeussentidos

Como sou uma pessoa com fé, aproveitei a viagem a casa de uns amigos a Sintra para ir ao Bazar da Area na esperança de haver uma cama com um ligeiro defeito igual aquela pela qual me quedei de amores antes de dar o couro e cabelo por uma imaculada.

Devo dizer que claro está não havia nenhuma igual à que eu queria, devo dizer também que o Bazar foi uma desilusão, havia pouco ou nada e a maioria eram cadeiras, e do que havia metade estava vendido. Mas a minha desilusão foi mesmo com a organização e decoração do espaço, está bem que é um armazém de coisas com defeito, mas senhores, a diferença entre o conceito das lojas Area é super cuidado, arrumado, cosy, e ali, eu basicamente ia-me embora sem ir ao piso de cima pura e simplesmente porque nem isso estava identificado, podiam e sabem fazer melhor.

Mas eu devo ter tido azar, as poucas fotos que eu vi na net sobre o Bazar eram promissoras.

01
Mar14

Uma cama 6 anos depois

naruadosmeussentidos

Quando vim para a minha casa a minha casa tinha tudo, mas não tinha nada.

Tinha tudo porque era a minha casa, que eu escolhi, com a vista que me encantou e basicamente era isso, uma vista e era nova e era minha, comprada com o meu dinheiro, mas não tinha água, nem luz, nem gás. Fiz a escritura e nessa mesma noite mudei-me para lá, de colchão tripartido e só. Basicamente foi isto.







A casa tinha sido um balúrdio, mas era a que eu queria. E aos poucos e poucos foi tendo coisas, uma mesa de campismo, uma tv a preto e branco, talheres e pratos que andavam a sobrar de outras casas e foi isto nos primeiros tempos.

Entretanto passou a haver cama, uma cama que andava perdida lá para casa dos avós, uma cama XS, mas que dava para dormir e para gozarem comigo.

Esta.


 Aos poucos fui comprado aquilo que gostava mesmo não me importando de dar o dinheiro que fosse, porque era o que queria, o pior era encontrar o que queria, mas aos poucos a casa foi ficando como queria, mas continuava a faltar a cama.

Agora encontrada quase 6 anos depois, sim 6 anos depois.

Pág. 5/5

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D