Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

na rua dos meus sentidos

na rua dos meus sentidos

25
Jul14

Ainda te emocionas

naruadosmeussentidos
compadeces, baixas a guarda, ainda te surpreendes, quando já pouco te surpreende, com o amor de uma mãe por um filho.
Hoje compadeceste-te novamente, não pelo obrigado que te disseram, mas pelo amor incondicional, pelo sofrimento pelo outro, pela dádiva enorme, que é o ser mãe. Uma mãe que sofre quando o filho sofre, que não desiste dele, que luta por ele, com ele, até mais por ele do que ele próprio por ele, que acredita nele apesar de todos os ses, que percorre todo o caminho com ele até ao Dia D, e que chegado ao dia, ela respira, suspira, chora mas sabe que o caminho é longo, e que se quer longo, muito longo...perguntas-te se serias capaz de tanto, não sabes, duvidas até, não és mãe, e essa força só as mães têm...

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D